Sechat

Conheça o potencial antioxidante do CBD

Muitos alimentos, como frutas, vegetais, nozes e grãos integrais, podem ser uma fonte rica em antioxidantes, e parece que a planta cannabis não é exceção (Foto: CBD-Infos/Pixabay)

Curadoria e edição de Sechat Conteúdo, com informações de Canex (Emily Ledger)

Pesquisas em torno do CBD (Canabidiol) – o segundo canabinoide mais prevalente produzido pela Cannabis Sativa – produziram uma série de descobertas impressionantes, incluindo muitos benefícios potenciais de saúde e bem-estar associados ao composto. Embora as propriedades anticonvulsivantes e anti-inflamatórias do CBD sejam provavelmente as mais conhecidas, vários estudos também revelaram o potencial antioxidante significativo do canabinoide.

>>> Siga o Sechat no INSTAGRAM

O que são antioxidantes e radicais livres?

Os antioxidantes são uma classe de compostos que expulsam os radicais livres de nosso corpo. Os radicais livres são compostos capazes de causar danos significativos ao nosso corpo se os níveis ficarem muito altos. Em casos raros, esses compostos têm sido implicados no desenvolvimento de várias doenças e condições, incluindo diabetes, doenças cardíacas e câncer.

Níveis baixos de radicais livres são uma necessidade para que nossos corpos realizem funções importantes que são essenciais para manter a saúde. Por exemplo, os radicais livres podem ser usados ​​por nossas células imunológicas para ajudar a combater infecções. No entanto, os níveis de radicais livres precisam permanecer equilibrados, junto com os antioxidantes.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Quando os níveis dessas moléculas não estão equilibrados e os radicais livres são mais numerosos que os antioxidantes, isso pode levar a um estado denominado estresse oxidativo. Se prolongado, o estresse oxidativo pode causar danos às células e ao DNA e até mesmo à morte celular. É esse estado que pode causar o desenvolvimento de algumas doenças graves.

Muitos alimentos, como, por exemplo, frutas, vegetais, nozes e grãos integrais, podem ser uma fonte rica em antioxidantes, e parece que a planta cannabis não é exceção.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

O potencial antioxidante do CBD

Vários estudos em animais e humanos demonstraram o potencial antioxidante do CBD. Os pesquisadores implicaram “o potencial terapêutico do CBD para muitas doenças, incluindo doenças associadas ao estresse oxidativo.”

Semelhante a outros antioxidantes, o CBD interrompeu as reações em cadeia dos radicais livres, capturando ou transformando as moléculas em formas menos ativas. Além disso, o CBD pode reduzir as condições oxidativas, evitando a formação de radicais superóxidos.

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Além de reduzir os níveis de oxidantes no corpo, conforme alguns estudos mostraram, o CBD também pode modificar o nível e a atividade dos antioxidantes.

Por isso, as propriedades antioxidantes do CBD podem tornar o canabinoide útil de várias maneiras. Nossos corpos precisam de antioxidantes para prevenir e reverter os danos às células e ao DNA. O equilíbrio certo de antioxidantes pode ajudar a combater doenças crônicas, além de ser útil na prevenção dos sinais de envelhecimento.

O CBD agora está sendo utilizado em uma grande variedade de produtos de saúde e bem-estar, de suplementos a produtos para a pele. Sobretudo, já foi relatado que o mercado de CBD é maior do que os mercados de vitamina C e vitamina D combinados no Reino Unido – o potencial antioxidante do composto é apenas uma das razões para isso.

Confira outros conteúdos sobre os benefícios do CBD publicados pelo Sechat: