“Depois da cannabis medicinal, minha avó reconheceu o filho pelo nome”, diz neta de idosa com Alzheimer

Família evangélica passou por cima do preconceito e encontrou na maconha medicinal uma forma de dar qualidade de vida para a matriarca