Reparação histórica, uma utopia necessária

“O abismo que separa a riqueza da pobreza é o mesmo que discrimina cor de pele. Estruturalmente, o Brasil carece de conscientização e equidade social”, diz Maria em sua nova coluna