Cannabis medicinal oferece alívio de 96% da náusea em uma hora

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Apesar das descobertas, os pesquisadores ofereceram alguns cuidados sobre o uso de cannabis para tratar náuseas (Foto: Sora Shimazaki/Pexels)

Curadoria e edição de Sechat Conteúdo, com informações de The GrowthOp (Angela Stelmakowich)

Pesquisadores da Universidade do Novo México (UNM) descobriram que pessoas que sofrem com náuseas que consumiram flor de cannabis natural inteira tiveram algum alívio em cinco a 60 minutos.

Mas não apenas os indivíduos relataram melhora significativa dos sintomas quase imediatamente, com a náusea caindo em uma média de quase quatro pontos em uma escala de zero a 10. Essa melhora aumentou ainda mais uma hora após o consumo.

>>> Siga o Sechat no INSTAGRAM

“O alívio dos sintomas foi estatisticamente significativo em cinco minutos e aumentou com o tempo”, observa o estudo publicado em abril no Journal of Clinical Gastroenterology.

A investigação mostra que 96,4% da amostra do estudo relatou alívio da náusea dentro de uma hora. “Apesar das crescentes preocupações clínicas com relação ao vômito cíclico ou à síndrome de hiperêmese em usuários de cannabis, quase todos os usuários sentiram alívio”, disse a autora do estudo, Sarah Stith, professora assistente da UNM.

Os pesquisadores utilizaram um aplicativo para celular para que os pacientes relatem a intensidade dos sintomas. O estudo foi baseado em dados de 2.220 sessões de autoadministração de cannabis registradas por 886 pessoas usando o aplicativo Releaf.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Especificamente, o feedback dos usuários indicou que houve uma melhora média dos sintomas de 3,85 pontos em uma escala de zero a 10 “apenas alguns momentos após o consumo com benefícios crescentes ao longo do tempo”, observa a declaração.

Apesar da cannabis ser usada para tratar náuseas induzidas por quimioterapia, sua eficácia com outras formas de náusea ainda não foi bem pesquisada. Existem muitas causas comuns de náusea, variando de intoxicação alimentar, estresse emocional, distúrbios gastrointestinais, enjôo, gravidez e quimioterapia, relata a universidade.

Forma de consumo da planta interfere nos resultados

Além disso, não há “estudos sobre o tempo de alívio e como o alívio varia com as características do produto”, observa a declaração.

Os pesquisadores descobriram que flores e concentrados proporcionam alívio mais rápido e maior do que comestíveis ou tinturas. Vaping, por sua vez, “rendeu menos alívio do que consumir cannabis por meio de um baseado ou cachimbo”, afirma a universidade.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Além disso, os resultados têm algo a dizer sobre indica versus sativa. “Os produtos rotulados como cannabis sativa e ‘híbridos’ superaram os produtos rotulados como cannabis indica”, apontam os investigadores.

Mas, talvez, o mais surpreendente para os investigadores foram as descobertas em torno do THC. “O THC, normalmente associado ao uso adulto, pareceu melhorar o tratamento entre os consumidores de flor de cannabis. Enquanto o CBD, mais comumente associado ao uso médico, parecia estar associado a menos alívio dos sintomas”, disse o coautor do estudo Jacob Vigil.

Apesar das descobertas, os pesquisadores ofereceram alguns cuidados sobre o uso de cannabis para tratar náuseas. “Existem preocupações de que sua eficácia em relação às opções convencionais possa induzir populações de alto risco, como mulheres grávidas e crianças, a consumir cannabis”, diz Stith.

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

“E os efeitos de longo prazo da cannabis e seus efeitos no desenvolvimento são uma lacuna significativa na literatura existente sobre o uso médico da cannabis em geral”, conforme diz Xiaoxue Li, do departamento de economia da universidade.

Sobretudo, os pesquisadores sugerem que estudos futuros devem se concentrar no alívio dos sintomas de longo prazo. Devem ser estudados também os riscos do consumo de cannabis medicinal e as potenciais interações entre a cannabis e outras substâncias.

Confira outros conteúdos sobre os benefícios da cannabis à saúde publicados pelo Sechat:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese