Pesquisadores canadenses descobrem que tipo específico de canabinoide tem potencial de antibiótico

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Cientistas da Universidade de McMaster, no Canadá, identificaram que um componente da Cannabis, o CBG, pode ser um poderoso antibacteriano, o que pode resultar no desenvolvimento de um novo remédio.

Um grupo interdisciplinar de pesquisadores da faculdade descobriu que o canabinoide não é apenas antibacteriano, mas também se mostrou eficaz em testes feitos em camundongos contra uma família resiliente de bactérias, conhecidas como Staphylococcus aureus. Essa bactéria é conhecida por ser a responsável pela infecção generalizada, que se desenvolve, principalmente, em ambientes hospitalares e é resistente à meticilina (antibiótico pertencente ao grupo das penicilinas).

No site da universidade, Eric Brown, professor de bioquímica e ciências biomédicas da McMaster, afirma que neste estudo foram investigados 18 canabinoides disponíveis no mercado e que todos mostraram atividade antibiótica, porém alguns muito mais que outros.

Portanto, os pesquisadores focaram no canabinoide não psicoativo chamado CBG, que apresentou uma atividade antibacteriana mais promissora.

A equipe de pesquisa descobriu que o CBG tem atividade antibacteriana contra bactérias resistentes a medicamentos. No estudo, o canabinoide impediu a capacidade dessas bactérias de formar biofilmes, que são comunidades de microrganismos que se ligam uns aos outros e às superfícies, destruindo biofilmes e células pré-formadas resistentes a antibióticos.

Ainda no site da instituição, Brown diz que “o CBG provou ser maravilhoso ao combater bactérias patogênicas” e que “os resultados sugerem um potencial uso dos canabinoides como antibióticos”.

Veja o estudo aqui.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese