Evidências mostram que a Cannabis medicinal pode combater o câncer

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
A planta de cannabis pode fornecer vários benefícios de bem-estar e os resultados desta análise de dados são muito encorajadores (Foto: Reprodução/Cannabis & Tech Today)

Se você ou alguém que você conhece já foi diagnosticado com câncer, então você sabe como isso é terrível. Estima-se que cerca de 17 milhões de pessoas foram diagnosticadas com câncer em 2018 em todo o mundo. Infelizmente, espera-se que esse número aumente para 27,5 milhões até 2040.

As estratégias de prevenção e conscientização do câncer são extremamente importantes por razões óbvias. Várias opções de estilo de vida aumentam ou diminuem o risco de alguém ser diagnosticado com câncer, incluindo uma dieta saudável e atividade física.

>>> Participe do grupo do Sechat no WhatsApp e receba primeiro as notícias

Muitos pacientes descobriram que a cannabis ajuda no bem-estar geral, e várias evidências informais sugerem que ela pode combater o câncer. Um estudo recente analisou dados e concluiu que as alegações informais sobre cannabis e câncer poderiam ser baseadas em dados científicos sólidos.

Examinando os dados

Um professor universitário da América do Norte examinou recentemente os dados para ver se havia alguma relação entre as taxas de câncer e o uso de cannabis.

Especificamente, o professor revisou dados de 34 estudos que enfocaram o câncer e a cannabis para avaliar se havia ou não alguma tendência de sugerir que a cannabis luta ou causa certos tipos de câncer.

>>> Óleos de CBD ou CBD puro, qual é o melhor para a inibição das células cancerosas?

De acordo com a análise, as pessoas que se identificaram como tendo um histórico de uso de cannabis foram associadas a uma redução de cerca de 10% no risco de desenvolver câncer. Essa redução no risco de câncer se aplica até mesmo ao câncer de pulmão, de acordo com a análise de dados.

O autor do estudo concluiu que a análise sugere uma associação do uso de cannabis com uma diminuição substancial no risco de cânceres não testiculares, com tamanho de efeito moderado, e um aumento não significativo no risco de câncer testicular, com tamanho de efeito insignificante. “Isso sugere que o uso de cannabis pode diminuir substancialmente a taxa de mortalidade por câncer nos Estados Unidos”, afirmou o professor.

Sempre mantenha os estudos do câncer de cannabis em perspectiva

A planta de cannabis pode fornecer vários benefícios de bem-estar e os resultados desta análise de dados são muito encorajadores.

Com isso dito, as pessoas precisam sempre manter os estudos do câncer de cannabis em perspectiva, especialmente ao compartilhar os resultados de um estudo com alguém que foi diagnosticado.

>>> Estudo sugere que a cannabis medicinal pode prevenir câncer de cólon

Nenhuma planta na terra vai curar todas as formas de câncer todas as vezes, e isso vale para a planta de cannabis. O que funciona em uma situação pode não funcionar em uma situação diferente. Depende muito do caso. No entanto, também é importante notar que a cannabis não é tóxica e é mais segura do que a maioria dos medicamentos farmacêuticos.

Por Cannabis & Tech Today (Johnny Green), com curadoria e edição de Sechat Conteúdo

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese