Congressista dos EUA pede que governo permita CBD em suplementos dietéticos

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Deputado Kurt Schrader

Um congressista dos EUA está patrocinando um projeto de lei que permitiria que o CBD de plantas de cânhamo fosse adicionado a suplementos dietéticos.

O deputado Kurt Schrader entrou com o HR 8179 na Câmara dos Representantes na semana passada, o projeto de lei é co-patrocinado pelo deputado Morgan Griffith.

>>> Na próxima semana, Sechat traz a Cannabis medicinal para o centro do debate no Medical Talks Live

Também conhecido como “Lei de Proteção ao Consumidor e Estabilização do Mercado do CBD do Cânhamo e Derivado do Cânhamo de 2020”, o projeto tornaria o canabidiol (CBD) e outros produtos derivados do cânhamo legais para uso em suplementos dietéticos.

>>> Se plantio de Cannabis for aprovado, preço de medicamento no mercado deve ficar 50% mais barato

Em um comunicado, o deputado Griffith disse que espera que o projeto ajude a esclarecer a confusão. “O cânhamo foi historicamente uma cultura importante para os agricultores da Virgínia, e os suplementos dietéticos feitos com ele não possuem qualidades viciantes perigosas. No entanto, o estado atual da regulamentação cria confusão sobre seus usos legais. Associei-me a este projeto de lei bipartidário para fornecer certeza aos agricultores de cânhamo que sua colheita pode encontrar usos legais. ”

>>> Cannabis medicinal e cânhamo poderão gerar US$ 3 bi em investimentos

Fonte: informações do site FOX 17

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese