Sistema endocanabinoide: como o corpo humano que interage com a cannabis?

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Os cientistas ainda estão nos estágios iniciais de compreensão de todas as maneiras como o sistema endocanabinoide pode ser usado clinicamente (Foto: qimono/Pixabay

Curadoria e edição de Sechat Conteúdo, com informações de The Cannigma (Michael Schaeffer Omer-Man)

Os seres humanos e todos os vertebrados da Terra têm algo chamado sistema endocanabinoide, presente nas células de todo o nosso corpo. Está , por exemplo, no cérebro, no sistema imunológico, no fígado, na pele, nos olhos – em quase todos os lugares. 

Em suma, o sistema endocanabinoide ajuda a regular e harmonizar uma série de funções básicas do corpo, como percepção da dor, ansiedade, memória, aprendizado, apetite, temperatura, função reprodutiva e até mesmo frequência cardíaca e pressão arterial. E, sobretudo, há uma razão para ter cannabis em seu nome.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Enquanto nosso corpo cria seus próprios “canabinoides” que interagem e ativam o sistema endocanabinoide, o mesmo acontece com a planta de cannabis. Mas, na verdade, os cientistas descobriram as versões vegetais dos canabinoides décadas antes de descobrirem que o corpo também os produz.

Acredita-se que o sistema endocanabinoide seja a razão pela qual a cannabis é capaz de tratar tantos sintomas e doenças. A fisiologia humana já tem a infraestrutura e o conhecimento de como fazer a cannabis funcionar quando entra no corpo – é como se fossemos feitos um para o outro.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Os cientistas ainda estão nos estágios iniciais de compreensão de todas as maneiras como o sistema endocanabinoide – e os canabinoides vegetais, em particular – pode ser usado clinicamente. É tão novo que só nos últimos anos começou a ser ensinado nas escolas de medicina. O que sabemos com certeza é que o potencial é enorme – e estamos apenas começando.

Confira outros conteúdos sobre o sistema endocanabinoide publicados pelo Sechat:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese