Um homem de Cingapura foi condenado à pena de morte depois de ser pego com quase 2kg de maconha

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
(Foto: AP Photo/Steven Senne)

Curadoria e edição Sechat com informações de Insider

Um homem em Cingapura foi condenado à pena de morte depois que as autoridades o encontraram com 1 quilo de maconha. O réu Omar Yacob Bamadhaj, 41, recebeu sua sentença em fevereiro e um tribunal rejeitou seu recurso na terça-feira, informou o Channel News Asia. Ele foi condenado à morte por enforcamento, disse o veículo.

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Em 2018, Omar foi pego tentando entrar no país com aproximadamente 2kg da planta. As autoridades encontraram o produto embrulhado em papel alumínio e jornal no porta-malas do carro em que ele estava enquanto seu pai dirigia, disse o relatório.

Seus advogados disseram que havia dúvidas sobre se ele intencionalmente trouxe a droga para a cidade-estado. Bamadhaj argumentou no tribunal que não sabia o que havia no porta-malas e que outras pessoas o colocaram lá sem que ele soubesse.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Porém, em depoimento, o mesmo disse que seus conhecidos o convenceram a trazer a substância para Cingapura e que ele não queria fazer isso, mas precisava do dinheiro.

Ele também argumentou em um ponto que os policiais antidrogas o haviam “coagido” a uma confissão, dizendo que um oficial havia ameaçado enforcá-lo e a seu pai se ele se recusasse a confessar.

Cingapura proíbe a posse, o consumo e a importação e exportação de cannabis.

O lugar é conhecido por sua aplicação estrita da lei e, grupos de direitos humanos há muito criticam o uso da pena de morte por lá.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Veja também

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese