Nos tempos da brilhantina! Atriz de clássico da déc. de 70, conta como a cannabis lhe ajudou contra o câncer

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Olivia Newton-John tornou-se uma estrela internacional com o sucesso do filme Grease (1978), que no Brasil se chamou Nos tempos da brilhantina.(Foto: Getty Images)

Edição e curadoria Sechat, com informações de Cannabis Club Austrália

A estrela de Grease (Nos tempos da brilhantina – como ficou conhecido no Brasil) deu ao marido John Easterling, fundador da Amazon Herb Company, o crédito de ajudá-la a superar a dor associada à crise de saúde.

Em uma entrevista para a revista America’s Closer Weekly, Newton-John disse:

Meu marido me faz tinturas que ajudam imensamente com dor, inflamação, sono e ansiedade. Gostaria de pesquisar tudo isso e descobrir o que mais está acontecendo porque me sinto bem.

Olivia Newton-John

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Newton-John revelou que ela toma “muitas ervas” para seu câncer de mama – que ela foi diagnosticada pela primeira vez em 1992 – além de tratamentos convencionais como radiação.

Há muitas ervas que tomo. E nos últimos 10 anos, usei cannabis. Eu também tenho comido de modo vegano, pois minha filha (Chloe Lattanzi) estava me visitando e, ela é vegana. Além de tudo me sinto muito bem dessa maneira.

A compositora, cantora e atriz, também expressou esperança de que ela viverá para ver um “mundo além do câncer”.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Olivia Newton-John e John Travolta em Grease, 1978 (Foto: reprodução)

Ela destaca também: “Eu quero ser capaz de retribuir e ajudar outras pessoas que estão passando pelo câncer. Eu não acho que pode ser mais importante do que isso”.

A estrela também explicou que encontrar maneiras diferentes de tratar o câncer é um dos principais objetivos da Fundação Olivia Newton-John.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

Depois de ter vivido por anos com diferentes tipos de câncer e de fazer cirurgias, quimioterapia e radioterapia, achei que seria maravilhoso se pudéssemos encontrar diferentes tipos de tratamentos para pessoas que estão passando pelo mesmo problema.

Confira outros conteúdos sobre histórias publicados pelo Sechat:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese