Deputado quer tratamento com cannabis para animais

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
O deputado também afirma que a Fiocruz reconheceu os benefícios terapêuticos da cannabis (Foto: Helena Lopes/Pexels)

Atualmente, cada vez mais países estão discutindo os benefícios medicinais da cannabis, com uma série de regiões legalizando e regulamentando o uso terapêutico da planta. A partir disso, um projeto de lei foi apresentado ontem (10) na Câmara dos Deputados, que defende a utilização da cannabis medicinal, em todo o país, para tratamento veterinários. As informações são do site “Vegazeta”.

O PL 369/2021, de autoria do deputado João Carlos Bacelar (Pode-BA), cita uma série de benefícios comprovados do principal canabinoide da planta, o CBD, como ação anti-inflamatória, anticonvulsivante, antidepressiva, e outros. “Apesar de ainda dividir opiniões, cientificamente o uso medicinal de produtos à base de Cannabis tem se tornado a cada dia menos controverso em nossa sociedade, tendo em vista o sucesso que vem sendo evidenciado no tratamento de diversas enfermidades”, defende Bacelar.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Além disso, o deputado também afirma que a Fiocruz reconheceu os benefícios terapêuticos da cannabis, como no alívio de dores e o potencial para promover melhor qualidade de vida a pacientes com doenças como câncer, dor crônica, epilepsia, glaucoma, Alzheimer, Parkinson, entre outras.

Em relação aos benefícios aos animais, o deputado defende que os medicamentos à base da planta podem tratar doenças neurológicas, epilepsia, alguns tipos de câncer, dor crônica e aguda, e inflamações.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

O que dizem as pesquisas recentes sobre o uso da cannabis em animais?

Com a popularização do tratamento medicinal com a cannabis, muitas pesquisas focadas em animais foram desenvolvidas recentemente. Publicações da Colorado State University (CSU) e da Cornell University documentaram a farmacocinética do CBD em cães. O estudo descobriu que o CBD administrado por via oral foi bem tolerado, sugerindo suporte do perfil de segurança.

Em um outro estudo duplo-cegom publicado em 2018 e conduzido pela neurologista Stephanie McGrath da CSU, o objetivo era determinar a capacidade do CBD de ajudar a tratar convulsões e epilepsia em cães. Como resultado, 89% dos cães do estudo que receberam CBD experimentaram uma redução na frequência de convulsões.

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Como os veterinários vêem o CBD?

Em um estudo nacional de 2018 publicado na Frontiers in Veterinary Science, vários veterinários compartilharam suas opiniões sobre o CBD. Quando questionados sobre quais doenças eles potencialmente tratariam com produtos de CBD, as respostas mais comuns foram para o controle da dor, alívio da ansiedade e das convulsões. E quando os veterinários foram questionados sobre os benefícios potenciais do CBD para o tratamento de vários problemas de saúde, eles relataram testemunhar, em primeira mão ou por meio de relatórios do proprietário do animal de estimação, que o CBD era o mais útil para o tratamento da dor crônica e aguda, ansiedade e redução da frequência de convulsões gravidade.

Confira outros conteúdos sobre o andamento da cannabis medicinal no Brasil publicados pelo Sechat:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese