A relação dos peixes com testes de Cannabis medicinal mais rápidos

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Peixe-zebra

Os peixes não são úteis apenas para o cultivo de Cannabis, mas também podem acelerar o processo de seleção de variedades de Cannabis medicinal, de acordo com pesquisadores israelenses.

Conforme relatado por ISRAEL21c, uma revista on-line americana focada nos avanços tecnológicos e científicos feitos por pesquisadores em Israel, as empresas que usam um modelo de peixe-zebra podem identificar cepas e organizá-las com base no potencial terapêutico muito mais rápido do que confiar em ratos ou modelos humanos.

>>> A importância da Cannabis para a saúde e a economia brasileira é o tema de painéis promovidos pelo Sechat no dia 16

O peixe-zebra já foi usado para determinar quais cepas podem ajudar a combater problemas de sono, convulsões, mal de Parkinson e dor, com indicações adicionais sendo estudadas para autismo e ansiedade.

O modelo de teste de Cannabis do peixe-zebra foi desenvolvido pela Camanex, o braço de ciência aplicada para Cannabis do MIGAL Galilee Research Institute, e pela Canonic, uma subsidiária da empresa de biotecnologia computacional Evogene.

>>> Como a Cannabis medicinal pode ajudar no tratamento da dor aguda?

As empresas também trabalharam juntas para cultivar as variedades de Cannabis antes de irem para o laboratório.

No início deste ano, pesquisadores da Universidade Bar-Ilan usaram peixe-zebra em um estudo do sono para monitorar a atividade dos cromossomos durante os períodos de descanso.

Os pesquisadores relatam que o peixe-zebra tem uma estrutura cerebral semelhante à dos humanos, embora muito mais simples, e como eles não têm crânios, a atividade cerebral é mais fácil de monitorar.

>>> Mercado de testes de Cannabis dos EUA valerá mais de US $ 1,2 bilhão em 2026

Em 2017, um modelo de peixe-zebra foi usado por pesquisadores da Universidade do Mississippi para determinar as propriedades antiepilépticas do visco e da Cannabis.

Pesquisas adicionais publicadas na revista Progress in Neuro-Psychopharmacology & Biological Psychiatry descobriram que o peixe-zebra é um “organismo modelo excelente” para estudar os sistemas endocanabinoide e opioide.

Fonte: informações do site The Growth Op

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese