Câmara dos EUA deve votar pela remoção da maconha da lista de substâncias controladas

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em setembro, a Câmara dos EUA votará sobre a remoção da Cannabis da Lei de Substâncias Controladas, bem como para a retirada de alguns registros criminais da maconha, relata o jornal The Hill.

O projeto não legalizaria a Cannabis. Essa definição será ainda seria deixada para os estados. Mesmo que a votação não legalize a droga, ainda será um passo histórico para reduzir as penalidades legais relacionadas à Cannabis.

>>> Legalização da Cannabis: Onde está a Cannabis Legal nos EUA?

Atualmente, a maconha é legal em 11 estados.

A votação de setembro está definida para ser a primeira medida tomada para remover a maconha da Lei de Substâncias Controladas.

A partir de agora, a Cannabis está listada como uma droga de Tabela I sob a Lei de Substâncias Controladas.

Isso significa que não há benefício para o uso médico. Se a droga fosse retirada do ato, a proibição federal da droga seria eliminada, mas as leis estaduais que a tornam ilegal permaneceriam em vigor.

>>> A evolução da Cannabis nos EUA

Essa ação também removeria registros criminais e daria verbas para pessoas afetadas negativamente pela aplicação das leis sobre a maconha.

O presidente do Judiciário da Câmara, Jerry Nadler, apresentou o projeto de lei no ano passado, que foi aprovado no painel por 24-10 votos em novembro.

Com os votos dos representantes republicanos Matt Gaetz (Flórida) e Tom McClintock (Califórnia), o comitê foi aprovado.

É improvável que o projeto seja aprovado no Senado controlado pelos republicanos.

>>> Por que os produtos CBD estão ficando mais baratos nos EUA

A votação acontecerá durante uma época de avaliação nacional sobre o racismo sistêmico e a brutalidade policial, com os defensores da justiça racial chamando a atenção para a aplicação desproporcional das leis sobre a maconha contra pessoas de cor nos EUA.

Fonte: informações do site Wate

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese