Mais de 70% dos europeus afirmam que CBD afeta positivamente a qualidade de vida

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O segundo o relatório divulgado pela New Frontier Data sobre o consumo de CBD entre os europeus, 73% da população que usaram CBD afirmam que a substância afetou positivamente a qualidade de vida.

O levantamento foi feito com mais de 3.000 consumidores de CBD em 17 países europeus, o que torna o relatório mais abrangente para os consumidores europeus deste canabinoide até o momento.

Entrevista dada ao site BusinessWire, a fundadora e CEO da New Frontier Data, Giadha Aguirre de Carcer, afirma que o relatório preenche uma lacuna importante na inteligência de negócios no setor de CBD, não apenas na Europa, mas em todo o mundo. “Os dados fornecem aos novos e existentes interessados no setor de Cannabis ou cânhamo um recurso valioso e oportuno de maneira única.”

Homens e jovens são os maiores consumidores na Europa

Os consumidores masculinos relatam gastar mais em produtos CBD do que os consumidores femininos. Cerca de 35% dos homens afirmou desembolsar uma média de € 100 ou mais por mês, o que equivale a um pouco mais de R$ 500 (cotação realizada em 4 de março de 2020).

O relatório também aponta que 26% dos europeus, com idades entre 18 e 34 anos, já experimentaram CBD, em comparação com 16% da população em geral. O que indica uma abertura maior para essa substância entre grupos mais jovens.

A Série de Relatórios de Consumidores da EU CBD: Segmentação e arquétipos está disponível para download gratuito aqui.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES
ASSINE NOSSA NEWSLETTER