Roteiro de conformidade é a recente aplicação de Inteligência Artificial ao cânhamo

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
O sistema auxilia os gerentes de fazendas e cooperativas a supervisionar vários locais por meio de um painel personalizado para atender necessidades específicas através do fornecimento de informações confiáveis (Foto: Reprodução/Hemp Today)

Curadoria e edição de Sechat Conteúdo, com informações de Hemp Today

Uma empresa norte-americana lançou um roteiro digital baseado em blockchain para a cadeia de suprimentos do cânhamo. A tecnologia, Hempliance 3.0, rastreia a transparência da cadeia de custódia para plantações de cânhamo empregando inteligência artificial (IA).

A Hempliance Inc., sediada em Austin, Texas, declarou que o software se conecta a dados detalhados sobre o crescimento da safra registrada pelos fazendeiros. O produto rastreia amostras e fornece registros de viagens e documentação para o transporte de remessas de cânhamo para seus destinos.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

“Lançamos o Hempliance 3.0 para fornecer salvaguardas de conformidade para fazendeiros e transportadores”, disse o CEO da Hempliance, Kenneth Benbow, em um comunicado à imprensa. Deste modo, o serviço serve para conectar compradores com vendedores e melhorar os rendimentos das colheitas de cânhamo ao implantar IA e aprendizado de máquina que apoia iniciativas de pesquisa e educação agrícola. Assim, a inteligência artificial pode ajudar a identificar tendências e problemas comuns mais rapidamente e auxiliar no planejamento, disse a empresa.

Os códigos QR integrados no aplicativo da empresa identificam cada lote de cânhamo industrial em registros de blockchain imutáveis ​​para a prova de vida da cadeia de custódia, rastreando os detalhes da colheita e garantindo a localização GPS precisa quando as amostras são enviadas para testes de laboratório e vendas.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Ajudando os operadores agrícolas que produzem cânhamo

As atualizações no Hempliance 3.0 têm como objetivo auxiliar os gerentes de fazendas e cooperativas a supervisionar vários locais por meio de um painel personalizado. Isso os ajuda a atender às necessidades específicas de pesquisadores universitários e agências de extensão agrícola com as quais a empresa está trabalhando para desenvolver programas piloto destinados a aumentar a produtividade e o rendimento por hectare.

O software foi desenvolvido pelo veterano em tecnologia William Whatley, co-fundador e arquiteto-chefe da Hempliance. Whatley estudou ciência da computação na Universidade do Texas e na Texas State University e serviu na Marinha em um Esquadrão de Busca e Resgate.

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Acesso em tempo real

Outras funcionalidades do Hempliance 3.0:

– Os registros do ciclo de crescimento da fazenda são mantidos permanentemente no banco de dados do aplicativo.

– “HempRoad”, um novo componente, permite fotos detalhadas no local ou capturas de vídeo que protegem os agricultores e reduzem o risco de identificação incorreta durante as verificações de rotina da aplicação da lei.

– Um painel que permite acesso em tempo real para visualizar imagens e dados do ciclo de crescimento do cânhamo para vários locais. Os agricultores podem dar permissão de acesso para colaborar com: gerentes de fazenda, laboratórios, cooperativas agrícolas, pesquisadores, agências de extensão, compradores e clientes potenciais e associações de agronegócios.

– O sistema foi desenvolvido para 10 milhões de usuários e mais.

– Os aplicativos estão disponíveis para download na Apple App Store e Google Play para funcionar em qualquer dispositivo com GPS, incluindo smartphones, tablets e laptops.

>>> Sechat oferece serviço gratuito para pacientes e médicos prescritores de Cannabis medicinal

Outros projetos de IA para o cânhamo

A inteligência artificial está cada vez mais sendo aplicada em toda a cadeia de valor do cânhamo industrial para aumentar a eficiência. Além disso, atua em impulsionar a produção, fornecer transparência e, em última análise, garantir produtos finais de qualidade:

Do campo às obras

– Um consórcio de construção de cânhamo na região de Puglia, na Itália, está empregando uma plataforma digital da xFarm, uma desenvolvedora suíça de “agricultura inteligente”. O serviço otimiza as operações do campo à fábrica e ao canteiro de obras. O sistema estabelece a base para padrões de certificação de qualidade em todos os pontos da cadeia de abastecimento. Além disso, emprega recursos como sensores de irrigação e mapas de satélite para monitorar campos de cânhamo e um sistema de gestão digital na fase de processamento e produção.

Soluções completas para a plantação

– A startup polonesa Green Cube Solutions desenvolveu um conjunto de ferramentas de IA dedicadas ao monitoramento de safras, otimização de produção e gerenciamento de campos de cânhamo ao ar livre. Assim, a plataforma integrada de ponta a ponta ajuda os agricultores desde a preparação do solo até a colheita e distribuição do produto, empregando dados de imagens de satélite e drones apoiados por um algoritmo de aprendizado profundo para monitorar a saúde e o estado vegetativo de cada planta individual.

Agilidade no processamento de dados

– O estado australiano de Victoria está apoiando os testes de cânhamo em um projeto existente de “fazenda inteligente”, no qual a tecnologia mais recente é usada para coletar, armazenar, analisar e compartilhar dados eletrônicos ao longo da cadeia de valor agrícola, com o objetivo de melhorar a capacidade de processamento.

– A fabricante chinesa de CBD Renhe Pharmaceuticals Co., Ltd. está desenvolvendo um parque logístico de medicamentos inteligente e construindo um centro de P&D, parte de uma iniciativa de 9 milhões de euros. Outras empresas chinesas estão explorando tecnologia de detecção e manufatura inteligente.

– As autoridades sul-coreanas designaram a província de Gyeongsang do Norte do país como uma “Zona Industrial Especial Livre de Cânhamo”, com o objetivo de torná-la um centro de agricultura inteligente e indústrias de alta tecnologia de base biológica.

– A Canadian Industrial Hemp Corporation, sediada em Toronto, está desenvolvendo o “Smart Stalk”, um sistema avançado de otimização e processamento de caule de cânhamo dirigido por IA que a empresa diz que pode reduzir o custo unitário de decorticação em mais de 45%, enquanto fornece maior flexibilidade de produção.

Confira outros conteúdos sobre o mercado do cânhamo publicados pelo Sechat:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese