Universidade de Los Angeles recebe 6,4 milhões de dólares para pesquisas sobre cannabis

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Ziva Cooper, diretora da UCLA Cannabis Research Initiative (Foto: Reprodução/Newswise/UCLA Health)

A UCLA (Universidade de Los Angeles) recebeu sete bolsas do California Bureau of Cannabis Control totalizando 6,4 milhões de dólares. Os prêmios financiarão estudos sobre temas que vão desde a toxicidade da fumaça da planta inalada e de segunda mão até as condições de trabalho na indústria de cannabis da Califórnia.

As bolsas foram concedidas a professores da Escola de Medicina David Geffen da UCLA, à Escola de Relações Públicas Luskin da UCLA e a vários centros de pesquisa.

>>> Sechat oferece serviço gratuito para pacientes e médicos prescritores de Cannabis medicinal

“As bolsas exemplificam a amplitude da pesquisa sobre a cannabis que está sendo conduzida na UCLA”, disse Ziva Cooper, diretora da UCLA Cannabis Research Initiative e professora associada do Instituto Jane e Terry Semel de Neurociência e Comportamento Humano da UCLA. “Os prêmios oferecem à UCLA a oportunidade de mostrar sua pesquisa interdisciplinar sobre a cannabis.”

Um estudo liderado por Saba Waheed e Lola Smallwood-Cuevas do Instituto UCLA para Pesquisa sobre Trabalho e Emprego, por exemplo, se concentrará na documentação de experiências de trabalho, condições de segurança e a trajetória de carreira nos setores de varejo e cultivo de cannabis.

>>> Após 3 meses de tratamento com cannabis, paciente com fibromialgia que recorria à morfina vê as dores sumirem

“Produziremos pesquisas abrangentes e acionáveis ​​para informar os formuladores de políticas, educadores, empregadores e organizações trabalhistas para garantir que a cannabis contribua para o bem-estar e as perspectivas econômicas de novas gerações de trabalhadores em uma economia desafiadora e de maneiras que mitiguem os efeitos da criminalização passada de cannabis”, disse Smallwood-Cuevas.

Os sete estudos financiados pelos novos prêmios são:

– O impacto da potência da cannabis nas propriedades, composição e toxicidade do fumo inalado e passivo 

– Avaliação da viabilidade e consequências da implementação de um imposto sobre a potência da cannabis na Califórnia 

– Estudo das condições de emprego e equidade na indústria de cannabis da Califórnia

– Avaliando o impacto da Proposta 64 sobre o uso de cannabis, uso mal-adaptativo de cannabis, tratamento de transtorno por uso de cannabis e saúde pública 

– Uma análise demográfica da indústria de cannabis licenciada da Califórnia e do mercado consumidor 

– O impacto do marketing de cannabis na juventude da Califórnia 

– Compreendendo o impacto do marketing de cannabis nas disparidades de uso de cannabis entre jovens de minorias sexuais e de gênero 

>>> Startup israelense edita gene da planta da cannabis para que resista a fungos

Os prêmios para a UCLA foram uma porção de quase 30 milhões de dólares em novas bolsas do Bureau of Cannabis Control para universidades públicas da Califórnia para estudar o impacto da Proposição 64, que legalizou o uso adulto de cannabis para pessoas com 21 anos ou mais.

Fonte: Newswise

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese